BLOG

Mercado vê dólar mais alto e crescimento menor em 2018

07/05/2018

Mercado vê dólar mais alto e crescimento menor em 2018


As projeções para o dólar no fim de 2018, entre os economistas do mercado consultados pelo Banco Central (BC) no Boletim Focus, subiu de R$ 3,35 para R$ 3,37, conforme levantamento divulgado nesta segunda-feira. É o terceiro avanço consecutivo. Quatro semanas antes, as apostas eram de dólar a R$ 3,30.

Para 2019, a mediana das expectativas continua sendo de dólar a R$ 3,40, como contemplado no documento anterior. Entre as casas que mais acertam as projeções, as chamadas Top 5, de médio prazo, as estimativas para a moeda americana estão em R$ 3,40 no fim de 2018 — uma alta em relação aos R$ 3,38 da pesquisa anterior — e em R$ 3,45 em 2019, mesmo nível das últimas duas semanas.

As estimativas para o resultado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) também tiveram uma nova rodada de elevações para os 12 meses seguintes: saíram de 4,08% para 4,12%, a sexta semana consecutiva de revisão para cima. Para o fim de 2018 e de 2019, as estimativas para a inflação oficial se mantiveram em 3,49% e 4,03%, respectivamente.

Entre os economistas que mais acertam as projeções, os chamados Top 5, de médio prazo, a mediana para o IPCA passou de 3,56% para 3,40% em 2018 e se manteve em 4% em 2019.

As projeções para o crescimento da economia brasileira foram revistas para baixo em 2018, de 2,75% para 2,70%, e se mantiveram em 3% em 2019.

Não sofreram alterações em relação à última semana as medianas das expectativas para a taxa básica de juros, Selic, mantidas em 6,25% para o fim de 2018 e 8% para o de 2019 entre os economistas em geral e em 6,25% para este ano e 7,50% para o próximo entre os Top 5 de médio prazo.(do Valor Econômico)





Cursos